INFLUÊNCIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO E DA VULNERABILIDADE SOCIAL NA PERCEPÇÃO DE MIGRAÇÃO DAS GERAÇÕES X e Y

Autores

Palavras-chave:

Migração, desenvolvimento humano, vulnerabilidade social, gerações.

Resumo

Este estudo objetiva analisar como o desenvolvimento humano (DH) e a vulnerabilidade social (VS) se relacionam com intenções de migração da geração X e Y da região Noroeste do estado do Rio Grande do Sul. Foi desenvolvido um questionário a partir das seis dimensões do IVS e IDH apresentadas pelo IPEA (2018) e PNUD (2015). As análises quantitativas e qualitativas em uma amostra de 75 respondentes demonstraram que dentro do desenvolvimento humano a maior motivação de migração se encontra nas dimensões acesso ao conhecimento, enquanto a dimensão que registrou a menor média foi padrão de vida. Já na vulnerabilidade social, a motivação de migração se encontra nas dimensões renda e trabalho. Dessa forma, existem relações significativas fortes na geração X entre renda e trabalho (VS) com padrão de vida (DH) enquanto na geração Y, entre capital humano (VS) com padrão de vida (DH). Ou seja, enquanto para geração X, a alta renda, ocupação e segurança estão relacionados à melhoria dos padrões de vida, para a geração Y, condições de saúde, acesso à educação e a possibilidade de perpetuar esses benefícios às gerações mais jovens são as principais relações com o padrão de vida, sendo indicativos da permanência ou não na região. Contribui-se com o campo dos estudos de migração com a confirmação da mobilidade estar centrada nas oportunidades de trabalho e acrescenta-se seu vínculo a busca por qualidade de vida.

HUMAN DEVELOPMENT AND SOCIAL VULNERABILITY INFLUENCE ON THE PERCEPTION OF X AND Y GENERATION MIGRATION

ABSTRACT

This study aims to analyze how human development (DH) and social vulnerability (VS) are related to migration intentions of generation X and Y from the Northwest region of the State of Rio Grande do Sul. A questionnaire was developed from the six dimensions IVS and HDI presented by IPEA (2018) and UNDP (2015). Quantitative and qualitative analyzes in a sample of 75 respondents showed that within human development the greatest motivation for migration is found in the dimensions of access to knowledge, while the dimension that registered the lowest average was standard of living. In the case of social vulnerability, the motivation for migration is found in the income and work dimensions. Thus, there are significant strong relationships in generation X between income and work (VS) with a standard of living (DH) while in generation Y, between human capital (VS) with a standard of living (DH). That is, while for generation X, high income, occupation and security are related to the improvement of living standards, for generation Y, health conditions, access to education and the possibility of perpetuating these benefits, the younger generations are the main ones. relations with the standard of living, being indicative of the permanence or not in the region. It contributes to the field of migration studies by confirming mobility to be centered on job opportunities and adding to the search for quality of life.

Biografia do Autor

Liane Beatriz Rotili, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ

Doutoranda e Mestre em Desenvolvimento Regional pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ.

Felipe Cavalheiro Zaluski, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Doutorando em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria - UFSM. Mestre em Desenvolvimento Regional e Graduado em Administração pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ.

Sergio luis Allebrandt, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ

Doutor em Desenvolvimento Regional pela Universidade de Santa Cruz do Sul - UNISC. Professor Titular do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ.

Daniel Knebel Baggio, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ

Doutor em Contabilidade e Finanças pela Universidad de Zaragoza. Professor Titular do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ.

Clandia Maffini Gomes, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Doutora em Administração pela Universidade de São Paulo - FEA/USP. Professora Titular do Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Downloads

Publicado

2020-12-12

Como Citar

Rotili, L. B., Zaluski, F. C., Allebrandt, S. luis, Baggio, D. K., & Gomes, C. M. (2020). INFLUÊNCIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO E DA VULNERABILIDADE SOCIAL NA PERCEPÇÃO DE MIGRAÇÃO DAS GERAÇÕES X e Y. Perspectivas Contemporâneas, 15(3), 95–115. Recuperado de https://revista2.grupointegrado.br/revista/index.php/perspectivascontemporaneas/article/view/3191

Edição

Seção

Artigos Completos