TRATAMENTO DO HIPERTIREIODISMO DA DOENÇA DE GRAVES COM O RADIOISÓTOPO IODO 131

Francieli Chassot, Gustavo Meireles Costa

Resumo


O hipertireoidismo é uma enfermidade que pode ser originada por vários fatores, sendo que o hipertireoidismo da Doença de Graves é o mais frequente. Deduz-se que a doença de Graves esteja relacionada à distúrbios genéticos ou do sistema imune. Este artigo teve por objetivo fornecer dados que evidenciam as vantagens do tratamento com o radioisótopo iodo 131 (I131), enfocando o modo de administração, tempo de terapia, efeitos colaterais e relação custo-benefício do tratamento. Trata-se de uma revisão bibliográfica, cujo estudo foi realizado a partir de buscas sistemáticas utilizando banco de dados eletrônicos nacionais e internacionais. Diante dos resultados encontrados, o tratamento é variável em opiniões, mas o de primeira escolha vem sendo a administração do I131, por apresentar dados significantes a seu favor, como modo de administração, tempo de terapia, custo do tratamento e servindo também como traçador radiológico no diagnóstico da glândula tireóide. Além disso, o tratamento possui baixa toxicidade, baixos índices de efeitos colaterais, índices não relevantes de carcinogênese ou outras malignidades. Assim, constata-se que até o presente momento, o I131 é uma substância que engloba as características ideais para o tratamento da Doença de Graves.

 

TREATMENT OF GRAVES´ DISEASE HYPERTHYIROIDISM WITH IODINE 131 RADIOISOTOPE

ABSTRACT

Hyperthyroidism is a disease that may be caused by several factors. The hyperthyroidism of Graves' disease is the most frequent. It seems that Graves' disease is related to genetic or immune system disorders. This study aims to provide data that show the benefits of treatment with the iodine 131 (I131) radioisotope, by a literature review. Thus, mode of administration, period of therapy, collateral effects and cost-effectiveness of treatment were investigated. This study was conducted from systematic searches in national and international electronic databases. The results show that there are different opinions about the treatment, but the first choice has been the administration of I131 due to the presence of significant data that favor this drug as: mode of administration, period of therapy, treatment costs and its appliance as a radiological tracer in thyroid gland diagnosis. Moreover, treatment has low toxicity, low rates of collateral effects, and no relevant indices of carcinogenesis or other malignancies. Thus, it appears that, currently, I131 is a drug that includes the ideal characteristics for the treatment of Graves' disease.

 


Palavras-chave


doença de Graves; hipertireoidismo; iodo radioativo.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.