USO INADEQUADO DAS CEFALOSPORINAS E A ATUAÇÃO DA COMISSÃO DE CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR

Letícia Beltrão, Hellen Regina Fanhani

Resumo


As cefalosporinas são atualmente uma das classes de medicamentos mais utilizadas nos hospitais, em todo o mundo. Devido a sua vasta gama de atuação, apresentando um baixo nível de reações adversas e interações medicamentosas com outras classes de medicamentos, além de ser um medicamento de custo relativamente baixo. Devido a esta facilidade e simplicidade de utilização, alguns hospitais estão utilizando as cefalosporinas inadequadamente, sem estudo e preocupação científica sobre a patologia do paciente e sem exames prévios. O presente estudo foi do tipo transversal, exploratório, realizado no Hospital Center Clínicas de Campo Mourão-PR no período de abril a maio de 2009, analisando prontuários médicos de pacientes que fizeram uso de cefazolina sódica de janeiro de 2007 a dezembro de 2007, com o objetivo de avaliar o uso adequado deste antimicrobiano no período pré e pós-implantação da CCIH (Comissão de Controle de Infecção Hospitalar). A CCIH padronizou a utilização da cefazolina sódica, garantindo, um melhor atendimento ao paciente, na tentativa do tratamento ser correto e prevenir infecções hospitalares. Como resultado foi verificado uma diminuição de 29% para 8% do uso inadequado da cefazolina sódica, e um aumento de 71% para 92% do seu uso adequado, com isso, diminui o tempo de permanência do paciente no hospital, o custo e o fator de multi-resistência a várias classes de medicamentos.  

 

ABSTRACT

Cephalosporins are a class of drugs commonly used in hospitals worldwide nowadays. They show wide range of action, low level of adverse effects and drug interactions, and in addition, they are drugs of relatively low cost. Thus, some hospitals are improperly using cephalosporins, without previous exams and scientific concern about the pathology of patients. This cross-sectional and exploratory study aimed to evaluate the adequate use of these antimicrobials in the periods pre and post-implementation of HICC (Hospital Infection Control Committee). Thus, a search was carried out at Center Clínicas Hospital (Campo Mourão – PR) from April to May 2009. Medical records of patients that made use of cefazolin sodium from January to December 2007 were analyzed. CCIH has standardized the use of cefazolin sodium ensuring a better patient care, attempting to a correct treatment and to prevent hospital infections. Results show a reduction from 29% to 8% of inadequate use of cefazolin sodium and an increase from 71% to 92% of its adequate use. Thus, a reduction in the period that patient stays in hospital is observed and consequently, the cost of treatment and the multi-resistance factor of some groups of drugs decrease.  


Palavras-chave


CCIH; cefalosporinas; infecção hospitalar.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.