ESTUDO QUANTITATIVO DOS ALUNOS DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL JOSEPHIANA WENDLING NUNES - APAE DE CAMPO MOURÃO/PR COM PARENTES PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAISalign="justify">

Michelle Alves Macena de Lacerda, Ivone Maggione Fiori

Resumo


Aproximadamente 25% da população brasileira têm algum tipo de deficiência, dentre elas 50% são mentais. A situação no
Brasil é agravante devido às condições de pobreza, miséria, desnutrição, falta de saneamento básico, desinformação e
precariedade do atendimento à saúde. Estima-se que 350 milhões de pessoas com deficiência vivem excluídos de qualquer
tipo de atendimento. Para a manutenção de uma pessoa portadora de deficiência são gastos 12.452 dólares anuais. Por outro
lado, o custo anual da prevenção primária “per capita” é de 20 dólares e o da prevenção secundária é de 600 dólares. A
população não tem acesso à informação sobre causas, prevenção e atendimento de deficiência infantil, possuindo, no entanto,
informações errôneas, superstições e medos sobre o assunto. Dessa forma o objetivo deste estudo é de detectar fatores que
venham a contribuir com a melhoria das medidas preventivas. Com dados obtidos através de estudos realizados com 100
alunos da escola APE de Campo Mourão foi possível analisar dados em comuns entre esses alunos. Um deles foi que dos 100
alunos em questão, 52 tinham parentes com algum tipo de deficiência mentais, auditivas ou sensoriais. De acordo com esse
índice concluiu-se que pessoa que possuem parentes com algum tipo de deficiência tem grandes probabilidades de virem a
gerar filhos também com deficiências.align="justify">


QUANTITATIVE STUDY OF STUDENTS FROM CAMPO MOURÃO - PR APAE SCHOLL WITH RELATIVES PORTER OF SPECIAL CARE align="justify">


Abstract


About 25% of the Brazilian population have some kind of deficiency, among them 50% are mental. Brazilian situation is aggravated due to poverty conditions, misery, malnutrition, need of basic sanitation, disinformation, and precarious health attendance. It is esteem that 350 million people with deficiency are excluded of any kind of medical attendance. For the maintenance of a person that carries a deficiency, 12,452 dollars are spent annually. On the other hand, “per capita†annual cost of primary prevention is 20 dollars and of secondary prevention is 600 dollars. Population does not have access to information about causes, prevention and deficient child attendance and demonstrates wrong information, superstition and fears about this subject. Thus, this study aimed to detect factors that may contribute with the improvement of preventive actions. Data obtained from studies carried out with 100 APAE Scholl students in Campo Mourão allowed to analyze some common characteristics about them. One of these characteristics was that from all of 100 students under analysis, 52 had relatives with some kind of mental, sensorial or additive deficiency. According to this index it is possible to conclude that people that have relatives with some kind of deficiency also have great probabilities of generate children with deficiencies.align="justify">

Palavras-chave


alunos da APAE; parentes; necessidades especiais

Texto completo:

HTML PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.