ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DO CALDO DE CANA COMERCIALIZADO POR VENDEDORES AMBULANTES NO MUNICÍPIO DE CAMPO MOURÃO-PR

Ketlyn Nara Caetano Galvão, Valéria Maria Costa Teixeira, Lilian Brites Campos-Shimada, Mariane Cristovão Bagatin, Andrea Luiza de Oliveira Valoto

Resumo


O caldo de cana, uma bebida energética, de sabor agradável, comumente consumido pelos brasileiros em épocas quentes do ano como um refresco, é geralmente comercializado por vendedores ambulantes. Este fato aumenta a probabilidade de contaminação do produto, já que o mesmo possui em sua composição condições favoráveis para o desenvolvimento microbiano. Devido ao fato de haver poucos estudos na região de Campo Mourão acerca do tema e também à necessidade de conhecer as características higiênico-sanitárias do caldo de cana local, o objetivo deste trabalho foi avaliar a contaminação microbiológica desta bebida comercializada por vendedores ambulantes na cidade. Para tanto, foram coletadas 10 amostras, todas oriundas de pontos de vendas distintos, nas quais foram analisados os teores de bactérias mesófilas e bolores e leveduras por plaqueamento em superfície, e coliformes, pela técnica dos tubos múltiplos. Os resultados obtidos evidenciaram a presença de microrganismos indicadores na maioria das amostras analisadas. Apesar dos níveis de coliformes termotolerantes estarem dentro do aceitável pela legislação em vigor (102 NMP/mL de coliformes termotolerantes), os resultados sugerem condições precárias de higiene durante o preparo e comercialização deste alimento e fornecem subsídios para alertar a Vigilância Sanitária do município quanto à importância de fiscalização dos pontos de venda e necessidade de instruir os vendedores através de programas que estimulem as boas práticas de fabricação.

ABSTRACT

The sugarcane juice, an energy drink, with a pleasant taste, commonly consumed by Brazilians in hot times of the year as a refreshment, is generally sold by street vendors. This fact increases the probability of the product contamination, since it has in its composition favorable conditions for microbial growth. Due to the fact that there are few studies in the region of Campo Mourão on this subject, and also by the need of knowing the hygienic and sanitary characteristics in the preparation of local sugarcane juice, the objective of this work was to evaluate the microbiological contamination of this drink sold by street vendors in this town. For that, were collected 10 samples in different sales points, being analyzed the level of mesophilic bacteria and molds and yeasts by spread-plate and total and fecal coliforms by multiple-tube fermentation technique. The results revealed high counting numbers of indicator microorganisms in most samples analyzed. In spite of the level of thermotolerant coliforms were in accordance with the current legislation (102 MPn/mL of thermotolerant coliforms), the results suggest precarious hygiene conditions during preparing and commercialization of this food and it provides subsidies for alerting Municipal Sanitary Surveillance about the importance of the appropriate inspection of the points of sale and the need of educating the vendors by good manufacturing practices programs


Palavras-chave


Garapa, Qualidade microbiológica, Coliformes, Microrganismos indicadores.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.