ANÁLISE MICROBIOLÓGICA E FÍSICO-QUÍMICA DA ÁGUA DE BEBEDOUROS EM UNIDADES DE ENSINO NO MUNICÍPIO DE ILHÉUS-BA

Ananda Gomes Almeida, Lucas Ribeiro de Carvalho, Fátima Queiroz Alves, Ana Paula Adry, Ana Caroline Santini, Milena Magalhães Aleluia

Resumo


A água constitui um composto inorgânico imprescindível à vida, que quando não tratada adequadamente, passa a ser meio de veiculação de doenças, como gastroenterites e hepatite A. A garantia da qualidade da água para consumo humano é obtida através do monitoramento da qualidade microbiológica, sendo realizado pela avaliação da positividade em testes de detecção de bactérias pertencentes ao grupo dos coliformes totais, bem como dos termotolerantes, incluindo a Escherichia coli. Destarte, o presente trabalho teve como objetivo realizar análise microbiológica e físico-química dos bebedouros de unidades de ensino no município de Ilhéus, Bahia. As amostras de água foram coletadas de maneira asséptica, dos bebedouros principais de quatro instituições de ensino em Outubro de 2015. A técnica do Número Mais Provável (NMP) foi aplicada, em duplicata, para detecção dos coliformes totais e termotolerantes e, o teste do Indol para confirmação de E. coli. A pesquisa de bactérias heterotróficas foi realizada através da técnica de plaqueamento em profundidade. Na análise físico-química foi realizado teste de aferição do pH e dosagem de cloro residual livre. Os resultados obtidos apontam positividade em 50 % das amostras para coliformes totais e, 25 % das amostras para termotolerantes e E. coli. Os resultados de bactérias heterotróficas, bem como pH e cloro residual livre estavam de acordo com a Portaria nº 2914/2011 do Ministério da Saúde.  Pode-se concluir que a água de um dos bebedouros em análise não estava apta ao consumo humano, devido à presença de E. coli. Assim, denota-se intrínseca necessidade na avaliação da qualidade da água, colaborando com informações de saúde e estratégias que visem promover a melhoria da água de bebedouros.

MICROBIOLOGICAL AND PHYSICAL-CHEMICAL ANALYSIS OF THE WATER FROM DRINKING FOUNTAINS IN EDUCATIONAL UNITS IN THE CITY OF ILHÉUS-BA

ABSTRACT

Water is inorganic compound essential to life that when not treated appropriately, it becomes a means of the spread of diseases such as gastroenteritis and hepatitis A. Quality assurance of the drinking water is obtained through microbiological quality control, being performed by positivity evaluation in detection tests of bacteria belonging to the group of total and thermotolerant coliforms, including Escherichia coli. Thus, this study aimed at undertake microbiological and physical-chemical analysis of water from drinking fountains of educational units in the city of Ilheus, Bahia. The water sample was collected, an aseptic way, of the four main drinking fountain of learning units in October 2015. The Most Probable Number (MPN) technique was applied in duplicate for detection of total and fecal coliforms and Indol test for confirmation of E. coli. The detection of heterotrophic bacteria was carried out by Pour Plate technique. At the physical-chemical analysis, it was undertaken pH measurement and residual chlorine dosage. The obtained results indicate positivity in 50% of the samples for total coliforms and 25% for thermotolerant coliforms and E. coli. The results of heterotrophic bacteria testing, as well as pH and free residual chlorine, were in accordance with the Ordinance 2914/2011 of Health’s Ministry. It can be concluded that the water from one of the drinking fountains was not suitable for human consumption due to the presence of E. coli. Thus, it is evident an intrinsic need for evaluation of the water quality, contributing to health information and strategies aiming for promoting the improvement of water from drinking fountains.


Palavras-chave


água; bebedouro; coliformes totais e termotolerantes.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.