ESTUDO DO SISTEMA REPRODUTIVO DE Microlicia fulva CHAM. (MELASTOMATACEAE)

Thiago Alvarenga, Fernanda Fonseca, Flávio Soares Junior, Carina Silveira

Resumo


Microlicia fulva é uma espécie pouco estudada de Melastomataceae. Assim, o objetivo deste estudo foi avaliar se a população de M. fulva na Reserva Biológica UNILAVRAS - Boqueirão – RBUB, Ingaí, MG, Brasil possui diferentes estratégias reprodutivas e se essas diferem quanto à formação de frutos. A coleta de dados foi realizada nos meses de março e abril de 2009, na área de Campo Rupestre da RBUB. Para isso, foram utilizadas 15 flores para cada um dos três tratamentos: autopolinização espontânea; geitonogamia e polinização cruzada. Assim, a população de M. fulva estuda se mostrou generalista quanto aos diferentes sistemas reprodutivos. No entanto, para a formação de frutos, a polinização cruzada foi mais eficiente nessa população.

ASPECTS OF Microlicia fulva CHAM. (MELASTOMATACEAE) REPRODUCTIVE SYSTEM 

Microlicia fulva is a poorly studied species of Melastomataceae. The aim of this study was to evaluate whether the population of M. fulva of UNILAVRAS Biological Reserve - Boqueirão – RBUB has different reproductive strategies and if they differ in the formation of fruit. Data collection was conducted from March to April, 2009 in the Rupestrian field area of RBUB, Ingaí, MG, Brazil. For this, were analyzed 15 flowers for each of three treatments: spontaneous self pollination; geitonogamy and cross-pollination. Thus, the studied population of M. fulva seems to be general in different reproductive systems. However, in formation of fruit, cross-pollination was more effective in this population.



Palavras-chave


campo rupestre; compatibilidade; flores; polinização; estratégia reprodutiva.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.