AVALIAÇÃO DA QUALIDADE NUTRITIVA DO CARDÁPIO DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR DE LUIZIANA, PR

Cíntia Gomes, Ana Paula Fanhani

Resumo


A alimentação escolar faz parte de um programa governamental que visa aumentar o aporte nutricional diário de crianças e adolescentes, contribuindo com o desenvolvimento cognitivo e físico destes estudantes e influenciando na formação de hábitos alimentares saudáveis. Esta pesquisa teve por avaliar a qualidade nutritiva do cardápio da alimentação escolar do Município de Luiziana, PR, em relação ao valor calórico, macronutrientes, vitamina A (Retinol) e C (Ácido ascórbico), ferro e cálcio. Um estudo de natureza quantitativa de caráter transversal. Realizado com um período de três meses, as quantidades de alimentos foram encontradas por meio da pesagem direta, sendo descontadas as sobras e encontrado os valores per capitas, que foram lançados no software AVANUTRI 4.0, determinando o valor calórico, macro e micronutrientes, que foram comparados com os as recomendações nutricionais propostas pelo PNAE e classificados pelo cálculo RAN. A adequação em relação a energia atingiu, no máximo 80%, para os macronutrientes apenas a proteína foi ofertada em quantidade suficiente, 95% de adequação, os demais, carboidrato e lipídio não ultrapassou 80% e, no que se refere aos micronutrientes, a vitamina C atingiu adequação de 117%, portanto a vitamina A teve apenas 78%, valor não adequado e os minerais ferro e cálcio tiveram valores de 83% e 18%, respectivamente, inadequados. Concluiu-se que o cardápio analisado não atendeu as recomendações do PNAE e há necessidade de ajustes no planejamento em relação a adequação das necessidades nutricionais dos escolares. É relevante garantir o preparo correto e a segurança higiênico-sanitária na elaboração do cardápio.

ABSTRACT

School feeding is part of a government program that aims to increase the daily nutritional intake of children and adolescents, contributing to the cognitive development of these students and influencing the formation of healthy eating habits. The main objective of the research was to evaluate the nutritional quality of school meals menu of Luiziana, PR, regarding energy, macronutrients, vitamin A (Retinol) and C (ascorbic acid), iron and calcium. A quantitative study and how the goals of cross-sectional nature. Performed with a three-month period of the school menu, food quantities were found by direct weighing, with discounted leftovers and found values per person, which were launched in AVANUTRI 4.0 software, determining the amount of energy, macronutrients and micronutrients which were compared with the nutritional recommendations proposed by PNAE and sorted by calculating RAN. The appropriateness in energy was at most 80% for macronutrients only protein was supplied in sufficient quantity, 95% of adequacy, the others carbohydrates and lipids did not exceed 80% and, with regard to micronutrients, the vitamin C adequacy reached 117%, so the vitamin A was only 78 %, which is not appropriate and the minerals iron and calcium values were 83% and 18 %, respectively, inadequate. It was concluded that it is important the school menu is prepared by a nutritionist, because it serves to ensure proper preparation and hygienic- sanitary safety of yourself, but not fully met the goals of the Program and adjustments are needed in planning in relation to adequacy of the nutritional needs of students.


Palavras-chave


alimentação escolar; programas e políticas de nutrição e alimentação; nutrição da criança; nutrição do adolescente.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.