INFLUÊNCIA DAS ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS NOS CASOS DE DENGUE NOS ANOS DE 2007 A 2011 NO MUNICÍPIO DE CASCAVEL – PR

Geovane Antonio, Claudinei Mesquita da Silva, Leyde Daiane de Peder

Resumo


A dengue, uma doença infecciosa, é considerada um dos principais problemas de saúde pública no mundo, é causada por um retrovírus, com quatro sorotipos: DENV1, DENV2, DENV3 e DENV4.  O vírus é transmitido pela picada do mosquito fêmea da espécie Aedes aegypti, que está cada vez mais adaptada ao ambiente urbano, encontrando condições ambientais e climáticas favoráveis para sua proliferação. Este estudo teve como objetivo verificar a relação entre a incidência de dengue e as alterações climáticas no município de Cascavel - PR entre os anos de 2007 a 2011. Para a obtenção dos dados foi realizado um levantamento do número de casos autóctones de dengue, e os mesmos foram comparados com as alterações climáticas (temperatura, índice pluviométrico e umidade relativa do ar). Os dados foram obtidos por meio do Instituto Tecnológico – SIMEPAR e o Serviço de Vigilância Epidemiológica do município. Os resultados foram inseridos em gráficos e tabelas onde verificou-se que os casos aparecem em maior número no período de janeiro a maio, o que coincidiu com o período de maior volume de chuvas. Além disso, fevereiro, março e abril apresentaram temperaturas entre 21°C e 29°C, e umidade relativa superior a 70%, o que favorece a proliferação do mosquito. Há uma correlação positiva entre o número de casos, a temperatura e o volume de chuva. As condições climáticas não são causa exclusiva da dengue, mas estão relacionadas com a doença por estarem diretamente ligadas ao ciclo de desenvolvimento do vetor.

INFLUENCE OF CLIMATE CHANGE IN CASES OF DENGUE FROM YEARS 2007 TO 2011 IN CASCAVEL – PR

Dengue, an infectious disease, is considered one of the worst problems of public health in the world. It is caused by a retrovirus, with four serotypes: DENV1, DENV2, DENV3 e DENV4.  The virus is transmitted by sting of  Aedes aegypti species female mosquito. This mosquito is more and more adapted to urban environment, where it finds environmental and climatic conditions favorable for its proliferation. This study aimed to investigate the relationship between dengue incidence and weather change in Cascavel - PR from years 2007 to 2011. To obtain data, a survey of the number of indigenous cases of dengue was carried out and them, they were compared with weather change (temperature, rainfall and relative humidity). Data were obtained at the Technological Institute - SIMEPAR and Epidemiological Service of the county. The results were inserted into graphs and tables and they show that cases appear in greater numbers in the period from January to May (period of greatest rainfall). Further, February, March and April showed temperatures between 21°C and 29°C and relative humidity higher than 70% that favor the proliferation of mosquito. There is a positive correlation between the number of cases, temperature and rainfall. The weather is not the exclusive cause of the dengue, but it is related to the disease because it is directly linked to the development cycle of the vector. 


 


Palavras-chave


Aedes aegypti; Dengue; condições climáticas.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.