ASPECTOS FÍSICOS, QUÍMICOS E GENÉTICOS NA INTERAÇÃO PATÓGENO PLANTA HOSPEDEIRA

Sandro Augusto Rhoden, Ana Paula Cirqueira Lucas, Caroline Longhini Evangelista, Flávia Sicielli de Lima, Igor de Carvalho Deprá, Raiani Alberto Nascimento, João Alencar Pamphile

Resumo


O entendimento da interação microrganismo-planta possui uma importância ímpar para a compreensão das interações orgânicas ao longo do processo evolutivo. Os mecanismos que permitem esse processo de infecção microbiana nas plantas, pode ter uma causa co-evolutiva. A filosfera fornece um dos nichos mais importantes para habitação de fungos e bactérias. Os fungos têm a capacidade de penetrar diretamente na epiderme de plantas via aberturas naturais ou ferimentos acidentais, bem como por meio de estruturas diferenciadas como apressórios, com o uso de enzimas degradadoras de parede. O estômato é uma abertura natural na epiderme da planta e tem sido reconhecida como um importante ponto de entrada para microrganismos fitopatogênicos. Patógenos devem suprimir as defesas do hospedeiro para causarem uma doença. Algumas proteínas secretadas pelos patógenos atuam inibindo as defesas das plantas. A interação dinâmica das formas de imunidade do hospedeiro ao patógeno, reflete a evolução das pressões seletivas patógeno-planta. Os mecanismos de adesão de fitopatógenos aos hospedeiros representam a primeira etapa da conexão física entre o parasita e o parasitado. Dessa maneira, a adesão é considerada decisiva e essencial para que a doença possa progredir. Este trabalho de revisão tem como objetivo, realizar uma avaliação dos processos de interação desarmônica entre fitopatógenos e suas plantas hospedeiras, com ênfase nos microrganismos necrotróficos.

 

ABSTRACT

The understanding of the microrganism-plant interaction has a unique importance for the understanding of organic interactions along of evolution. The mechanisms that allow this process of fungal infection in plants, may be caused by co-evolutionary process. The phyllosphere provides one of the most important niches for microbial habitation. Fungi are able to penetrate directly into the epidermis of plant through natural openings or accidental wounds, as well as by means of different structures as appressoria, using wall degrading enzymes. The stoma is a natural opening in the epidermis of the plant and has been recognized as an important entry point for pathogenic microrganisms. Pathogens must suppress host defenses to cause disease. Some proteins secreted by pathogens act by inhibiting the defenses of plants. The dynamic interaction of forms of host immunity to the pathogen reflects the evolution of plant-pathogen selective pressures. The mechanisms of adhesion of pathogens to hosts represent the first step of the physical connection between the parasite and the parasitized. Thus, compliance is considered crucial and essential for the disease to progress. This review aims to conduct an evaluation of procedures for disharmonious interaction between pathogens and their host plants, with emphasis on necrotrophic fungal pathogen.


Palavras-chave


necrotróficos; patogênicos; plantas hospedeiras; interação desarmônica.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.