EXPRESSÕES GÊNICAS NAS MEMBRANAS EXTRAEMBRIONÁRIAS E SUAS CONEXÕES NA ESPÉCIE DE MURINA E BOVINA

Bruno Machado Bertassoli, Franceliusa Delys Oliveira, Amilton Cesar Santos, Maria Angélica Miglino, Antonio Chaves Assis Neto

Resumo


 

O presente artigo teve por objetivo revisar a literatura sobre os genes envolvidos nos anexos extraembrionários e conexões vitelínicas nas espécies murina e bovina. Os vertebrados vivíparos desenvolvem um sistema complexo de membranas nutricionais que envolvem o feto. A ocorrência das quatro membranas extraembrionárias (âmnio, córion, alantoide e saco vitelino) é um fato tido como comum a maioria das espécies vivíparas. Estas membranas sofrem modificações morfológicas, interagindo entre si e formando complexos funcionais ou mesmo involuindo com o decorrer da gestação. Existem genes expressos nas membranas extraembrionárias, onde genomas maternos e paternos são necessários para o desenvolvimento dos mamíferos, indicando que não são equivalentes sugerindo a existência de genes que mostram sua expressão. A literatura consultada suporta a ideia de que em determinadas fases de desenvolvimento embrionário, existem fusões de membranas extraembrionárias e justaposição das mesmas, onde ocorre a expressão de um grande número de genes, onde o erro ou não expressão de alguns genes nas membranas extraembrionárias, pode causar má formação ou não desenvolvimento do embrião.  

 

ABSTRACT

This article aims to review the literature about the genes involved in extraembryonic attachment and vitelline connections in murine and bovine species. The viviparous vertebrate develops a complex nutrient membrane system in order to surround the fetus. The occurrence of four extraembryonics membranes (amnion, chorion, allantois and yolk sac) is taken as a common fact to most viviparous species. These membranes undergo morphological changes, interacting with each other to form functional complexes or even they involute over the course of pregnancy. There are extraembryonics genes expressed on the membranes where maternal and paternal genomes are required to the development of mammals. Thus, it indicates that they are not equivalent, suggesting the presence of genes that show their expression. The aim of this paper was to make a review about genes involved in extraembryonics attachments and vitelline connections from murine and bovine species. The literature supports the idea that in certain phases of embryonic development there are fusions of extraembryonics membranes and juxtaposition thereof where occurs the expression of a large number of genes and the error or no expression of some genes in extraembryonics membranes might result in malformed or failure in development of embryos.

 

 


Palavras-chave


anexos extraembrionários; conexões vitelínicas; genes.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.