ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA LEISHMANIOSE TEGUMENTAR AMERICANA NA REGIÃO CENTRO OCIDENTAL DO PARANÁ

Rejane Ribas-Silva, Paraná Francisco Ruis Alves

Resumo


As Leishmanioses são antropozoonoses causadas por parasitos do gênero Leishmania e transmitidos pela picada dos flebotomíneos. A leishmaniose tegumentar americana (LTA) é uma doença polimórfica que atinge pele e mucosas, sendo considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) uma das seis endemias de prioridade no mundo. O presente trabalho teve por objetivo verificar a ocorrência de casos e os aspectos epidemiológicos da LTA na cidade de Campo Mourão – PR e região. Para a obtenção dos dados, foram analisadas fichas epidemiológicas de pacientes com suspeita de LTA encaminhados para a 11ª Regional de Saúde de Campo Mourão no período de 2006 a 2010. Em seguida, coletaram-se os dados registrados como idade, gênero, etnia, ocupação, ano e local provável de infecção, tratamento e número de casos confirmados pelo diagnóstico laboratorial. Os resultados demonstraram que 119 indivíduos tiveram LTA de 2006 a 2010 em Campo Mourão - PR e região. Os municípios de maior ocorrência foram Terra Boa (62,2%), Araruna (10,0%) e Engenheiro Beltrão (6,7%). A forma clínica predominante foi à cutânea (100%). Os dados revelam que a LTA incidiu com maior frequência em indivíduos do gênero masculino (69,7%), etnia caucasóide (72,3%), com ocupação agrícola (49,6%) e moradia em zona rural (51,3%). Os diagnósticos laboratoriais utilizados foram o parasitológico direto (100%) e intradermorreação de Montenegro (23,5%). Todos os casos receberam tratamento com o Glucantime®, sendo que 66,4% receberam 40 ampolas. Os resultados evidenciam a importância desta parasitose em Campo Mourão e região. Neste sentido, novos estudos poderão ser realizados para auxiliar no controle, diagnóstico e tratamento da doença nos municípios afetados desta região.

EPIDEMIOLOGICAL ASPECTS OF AMERICAN CUTANEOUS LEISHMANIASIS IN CAMPO MOURÃO AND REGION

ABSTRACT

Leishmaniasis is an anthropozoonosis caused by parasites of the genus Leishmania and is transmitted by the sting of phlebotomine sandfly. Cutaneous leishmaniasis (ACL) is a polymorphic disease that affects skin and mucous, and is considered by the World Health Organization (WHO) one of six priority endemic diseases in the world. This study aimed to analyze the occurrence of ACL in Campo Mourão – PR and region. Were analyzed epidemiological records of patients suspected of ACL referred to 11th Regional Health of Campo Mourão from 2006 to 2010. In addition, were collected from records data as: age, gender, ethnicity, occupation, year and probable locality of infection, treatment and number of cases confirmed by laboratory diagnosis. Results showed that 119 individuals had ACL from 2006 to 2010 in Campo Mourão - PR and region. The higher occurrences were observed in Terra Boa (62.2%), Araruna (10.0%) and Engenheiro Beltrão (6.7%). Cutaneous clinical form was predominant (100%). Data revealed that ACL was more frequent in males (69.7%), caucasians (72.3%), with agricultural occupation (49.6%) and housing in rural areas (51.3%) Laboratorial diagnostics were obtained by direct parasitological (100%) and Montenegro skin test (23.5%). All patients were treated with Glucantime®, 66.4% were treated with 40 ampoules. The results show the importance of this parasitosis in Campo Mourão and region. Thus, further studies should be performed to assist control, diagnosis and treatment of this illness in municipalities of this region.


Palavras-chave


Leishmaniose tegumentar; epidemiologia; Leishmania spp.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.