PERFIL MICROBIOLÓGICO DA ÁGUA MINERAL COMERCIALIZADA NO DISTRITO FEDERAL

Anselmo Resende, Caroline Nunes do Prado

Resumo


O consumo de água mineral tem crescido muito no Brasil em função da desconfiança sobre a qualidade da água que abastece as grandes cidades, considerando as crescentes denúncias de poluição veiculadas pela imprensa. Desta maneira, o presente estudo teve como objetivo realizar análise microbiológica de águas minerais comercializadas no Distrito Federal, identificando e quantificando uma possível presença de coliformes a 45ºC (Termotolerantes) com a utilização do Caldo Escherichia coli (EC) e a 35ºC (totais) utilizando-se o caldo Lauril sulfato Triptose (LST), por meio da técnica dos números mais prováveis (NMP) e uma possível desconformidade do pH com o rótulo das mesmas, fornecendo uma estatística do perfil microbiológico e físico-químico das águas minerais avaliadas. Foram realizadas visitas a estabelecimentos comerciais, em diferentes regiões do Distrito Federal. Verificou-se que havia 10 marcas em comum, sendo consideradas como as mais comercializadas. Na primeira análise, o resultado para a presença de coliformes a 35ºC e a 45ºC foi negativo para todas as 10 marcas avaliadas. Na contraprova, na quais foram utilizadas amostras de outro lote, houve presença, em uma das marcas, de coliformes a 35ºC, mostrando-se negativa para coliformes a 45ºC. Em relação ao pH, os resultados obtidos na primeira análise não apresentaram nenhuma desconformidade. Na contraprova, somente a marca positiva para coliformes a 35º apresentou alteração do pH para alcalino. Concluiu-se que as águas analisadas estavam próprias para o consumo.

ABSTRACT

The consumption of mineral water has increased in Brazil due to the suspicion of quality of water that supplies large cities. This research aimed to identify and quantify microbiological contamination of mineral water commercialized in Distrito Federal. The existence of coliforms was determined at 45ºC (Termotolerants Coliforms) by E.C Broth and at 35ºC (total) by LST Broth. Most Probable Number (MPN) method was used. Possible disconformities regarding to pH was analyzed. Statistical data show the microbiologic and physical-chemical profile of mineral water. Supermarkets from different regions of Distrito Federal were visited. The 10 most common commercialized brands were evaluated. In the first test, the presence of coliforms at 35ºC (total) and at 45ºC (fecal) was negative for all samples and pH test did not show any inconformity. However, in rebuttal (samples from another lot were analyzed), one of samples was positive for coliforms at 35ºC (total) and it also showed an alkaline pH. Considering all samples, it is possible to conclude that mineral water evaluated in this study is proper for human consumption.


Palavras-chave


Água mineral, Caracteri­sticas fí­sico-quí­micas, Perfil microbiológico

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.